Músicas, Seriedades, Burridades e Coisas Ogonorantes.

Um blog para quem não tem nada para fazer. Para pessoas que vieram do nada e hoje não tem porra nenhuma.

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

A guerra que ninguém soube.

Ninguém ficou sabendo devidamente, mas no final dos anos 60 tivemos uma guerra contra a Bolívia, na área da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré (Estado de Rondônia). Os bolivianos armados até os dentes vieram com tudo pra cima dos brasileiros, e se não fosse a caganeira que acometeu os soldados 005 e 006, teríamos perdido a guerra, além do Estado do Acre e a Copa do Mundo de 1970. Fomos salvos por uma lata de carne viandada estragada.
Em tempo: Vale lembrar que os saldados 005 e 006 hoje são pessoas ilustres de nossa sociedade, um é arquiteto e pianista e outro engenheiro, cantor, compositor, poeta e chef de cozinha.

5 comentários:

  1. Camilo Delduque aluno 0624 de fevereiro de 2012 18:48

    Francamente. A dor de barriga só acometeu o Meróca, aluno 05. Ele conta a história ao contrário. Tudo bem. Mas é dele o apelido de Merda Coalhada. Ele já entrou no quartel com esse apelido. Assim salvamos o Brasil.

    ResponderExcluir
  2. Por questões de segurança nacional tentei ao máximo manter em segredo os nomes de nossos heroicos soldados.O Brasil é um ingrato contigo (Camilo) e com o Merda Coalhada. Que se faça justiça!

    ResponderExcluir
  3. Por incrível que parece vocês salvaram esta merda com merda!

    ResponderExcluir
  4. Esqueci de comentar: esta foto do "Merda Coalhada", com o papel higiênico entranhado, foi feita por mim , na fronteira entre Abunã e Jacy-Paraná. Valeu o registro

    ResponderExcluir
  5. Uma perguntinha. Abunã por acaso não é a conjunção de a+bunda+anã=abunã? Manda dizer também quem é esse Merda Coalhada. Eu sei quem é, mas de boca de Matilde não sai porra nenhuma. Depois ele fica de birra comigo. Entre vocês há certa intimidade, um conhece o cheiro da merda do outro.

    ResponderExcluir